Guia da Esperança Equilibrista (CACD 2019) + Entrevista Exclusiva

  • Avatar
    Clipping
    28/06/2020 . min de leitura
guia da esperanca equilibrista cacd 2019

Saiu o Guia de Estudos com as melhores (e as piores) respostas dos candidatos aprovados no Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata de 2019 (CACD 2019). Neste artigo, além do Guia, você encontra também um bate-papo com o o Grupo de Trabalho (GT) do Guia sobre como funcionam os bastidores e links para baixar os Guias de Estudos anteriores.


O que é o Guia da Esperança Equilibrista?

Obra de referência indispensável para o mapeamento de argumentos, conceitos e linguagens esperados pela banca nas correções das provas discursivas, o Guia da Esperança Equilibrista traz modelo das melhores (e piores respostas) do CACD 2019, disponibilizando um arsenal atualizado de conteúdos e formas que merecem atenção detida dos candidatos no estudo para as provas discursivas.

Entre as novidades que o Esperança Equilibrista traz em relação a guias anteriores, merece destaque a inserção de notas de rodapé nas repostas modelo, que propiciam a maior robustez na análise das questões, inclusive com uma visão da performance do recursos impetrados e de marcações pontuais no espelho. 🔍 👀

O Guia da Esperança Equilibrista e outros Guias de Estudo para o CACD de anos anteriores podem ser baixados clicando nos botões abaixo 👇


Guia da Esperança Equilibrista

Deixamos  aqui o Guia da Esperança Equilibrista, recém publicado, e um link para a listagem dos guias anteriores.

BAIXAR GUIA DA ESPERANÇA EQUILIBRISTA

VER GUIAS ANTERIORES

Conversamos abaixo com o Grupo de Trabalho (GT) que produziu o Guia da Esperança Equilibrista.


Os bastidores do Guia da Esperança Equilibrista

O Esperança Equilibrista já é o sexto exemplar da fauna exótica de guias gestados e geridos pela própria turma de aprovados, desde 2014. Como são os bastidores desse processo de elaboração dos guias? Da escolha do nome? Da compilação das respostas, etc…

Batemos um papo sobre isso com o Grupo de Trabalho. Confira abaixo 💬 👇

Clipping: Desde 2014, vem se consolidando essa tradição dos recém-ingressados na carreira produzirem o Guia reunindo as melhores (e piores) respostas. Como toda boa tradição, ela se renova… Além do nome, uma merecidíssima homenagem a Aldir Blanc e todos àqueles que se foram em razão do Covid-19, qual é novidade que o guia da turma 2020-2021 traz em relação ao anterior?

GT do Guia: O objetivo principal do Guia da Esperança Equilibrista é incentivar os estudos de candidatos e candidatas, mesmo quando submetidos a adversidades. Seguindo o tema do guia, todo ceacedista deve equilibrar-se na corda bamba, sem olhar para baixo. Em meio às ventanias que podem surgir, o equilibrista mantem o foco no seu destino e segue em frente. Queremos que o guia traga esperança e otimismo aos ceacedistas, por meio da divulgação de nossas melhores respostas. Para isso, em algumas questões, colocamos mais do que três melhores respostas, com o intuito de mostrar que não há “receita pronta” para a aprovação. Alguns candidatos optaram por colocar, em notas de rodapé anexas às suas respostas, algumas das estratégias que utilizaram no decorrer da preparação. O perfil da nossa turma é bastante diversificado, como poderão observar na seção “Perfil dos aprovados”, mas isso não nos impediu de concluir a travessia pela corda-bamba!

Clipping: Conseguem dar uma visão para a gente de como funcionam os trabalhos do GT? Como é o processo decisório para a escolha do nome (consenso, maioria qualificada)? Poderia nos dizer um pouco mais sobre os bastidores que do nascimento do Esperança Equilibrista?

GT do Guia: Antes mesmo das aulas no IRBr começarem, alguns voluntários da turma se organizaram para formar um Grupo de Trabalho, onde debatíamos questões de planejamento, organização das respostas e o “design” no gráfico. Eventualmente, em algumas questões os debates eram levados à sala para votação, mas, no geral, o GT encarregava-se do trabalho de criação e formatação. Por fim, para manter a tradição zoológica dos guias anteriores, optamos por batizar o guia com o nome de um exemplar do Reino Animal. Em um brainstorm conjunto da turma, conseguimos quatro alternativas mais promissoras para nome do guia. Fizemos uma pequena votação, por maioria simples, e Esperança Equilibrista foi a escolha praticamente unânime. 

Clipping: Na elaboração do guia, a turma acaba desenterrando espelhos de resposta de quase um ano atrás. Como é olhar depois de um tempo, com distanciamento de quem já foi aprovado, para aquelas respostas?

GT do Guia: Em muitos casos, chegamos a ficar surpresos de ter conseguido escrever algumas dessas respostas. A dinâmica da preparação é bastante desgastante: há uma quantidade muito grande de informações que devem ser absorvidas e sintetizadas. Hoje, não sabemos se seríamos capazes de repetir as respostas, pois a rotina de estudos do IRBr é diferente — mas as respostas são sinais claros de que são possíveis; não são coisas fora da realidade.

Clipping: Falando em distanciamento, como tem sido os dias de isolamento social para um diplomata ainda em curso de se formar no IRBr?

GT do Guia: Como tem sido para todos: muito desafiador. Estamos seguindo uma rotina intensa de estudos, com aulas, seminários e entrega de muitos trabalhos. A situação de isolamento afeta todos nós, mas conseguimos nos adaptar — ou nos equilibrar nessa corda bamba — e a experiência de participar da história do Instituto Rio Branco tem sido muito gratificante.

Clipping: Embora haja várias formas de introduzir e aplicar esses guias na rotina de estudos, vocês arriscariam uma recomendação de aprovado para candidato?

GT do Guia: Não mesmo. O Guia da Esperança Equilibrista tem por propósito mostrar que não há receita pronta para a aprovação. Na turma, o tempo de preparação variou entre 8 meses e 10 anos, o que corrobora essa tese. Cada um tem sua trajetória, seu estilo e seus métodos. A recomendação que podemos dar é não desistir: “O caminho muda o caminhante — concluída a travessia, a esperança se renova.”

Clipping: No prefácio do Guia, a turma diz que desejam que a publicação do guia no momento em que surgem as primeiras notícias concretas do CACD 2020 seja vista como um sinal de bons augúrios pelos ceacedistas. Qual é a mensagem que a turma 2020-2021 deixaria para o pessoal que enfrentará o próximo CACD?

GT do Guia: A rotina de estudos do CACD é efetivamente uma preparação para os desafios que a carreira nos demandará. Diríamos, então, que se trata de uma oportunidade para  aprender não somente os conteúdos exigidos no exame, mas também para desenvolver resiliência, habilidades sociais e criatividade. É sempre oportuno cultivar tranquilidade, leveza e perseverança porque elas são necessárias antes, durante e depois do concurso.

Guias anteriores

Aqui no Blog do Clipping, você também encontra a lista completa dos guias anteriores.

O que achou do guia, da entrevista? Deixe seu comment e compartilhe com a gente também suas impressões.

E como sempre…

…bons estudos e Keep Clipping! 🧡


  • Avatar
    Clipping

    Uma plataforma de estudos capaz de te ajudar a estudar com autonomia, através de planos de estudo, roteiros de leitura, mapas mentais, resumos e simulados.


Avatar
Clipping

Uma plataforma de estudos capaz de te ajudar a estudar com autonomia, através de planos de estudo, roteiros de leitura, mapas mentais, resumos e simulados.