Plano de estudo para concurso: 5 passos simples para criar o seu

  • Pedro Soares
    Pedro Soares
    23/06/2020 . min de leitura
Planos de Estudos para Concurso

Todo mundo que deseja ingressar no universo dos concursos sabe que a dedicação deve ser total. 

Mas a falta de organização e a rotina, com outras atividades além-estudos, podem ser alguns “obstáculos”. Sem falar da falta de noção para saber por onde começar.

Tudo isso aparece por falta de um plano de estudo para concurso adequado com sua realidade e com a prova que queira prestar.

O start para passar em um concurso, portanto, é ter um plano. Você precisará de muita dedicação e não há uma cartilha pronta que o ajude a ter a autodisciplina necessária para um desafio como esse. 

Tudo começará com o seu próprio empenho, organização e muita pesquisa. 

E a gente te ajuda indicando alguns caminhos de como elaborar um plano de estudo para concursos públicos! Continue e confira como você pode ser efetivo nessa tarefa.

Veja quais são os 5 passos para criar um plano de estudo para concurso ideal

Como você já leu, o primordial para criar um plano de estudo é a dedicação. E não apenas para montar, mas para segui-lo também. 

Você deve entender e ter controle da sua rotina além dos estudos. Como quando precisará ir às compras, ao médico, limpar a casa…

Seu plano de estudo deve estar perfeitamente alinhado a sua rotina. Isso é importante para que suas atividades voltadas ao aprendizado não interfiram nas demais do dia a dia, algo fundamental para a criação de um hábito de estudos efetivo.

E é pensando nisso que temos esses 5 passos para você se sair bem ao criar seu próprio plano de estudos para concurso.

1. Analise o edital

O seu ponto de partida para criar um plano de estudo é… saber o que estudar! E quem te dirá isso é o edital do concurso. 

Ele traz todas as informações sobre a prova que você realizará. Incluindo o que você precisa estudar. 

Além das matérias que cairão na prova, ele mostrará o peso de cada uma, o que te dará noção de quanto tempo você precisará se dedicar a cada disciplina.

Isso é importante para saber quais os assuntos que devem te “tomar mais tempo”, seja por conter um peso maior na prova ou por você ter mais dificuldades. 

É no edital também que estarão informações como dia da prova e as etapas do concurso, o que é fundamental saber para que você crie um cronograma adequado a esse tempo, certo?

2. Crie um planejamento

Por falar em cronograma, ele é o nosso próximo passo. Sabendo o que precisa estudar e em quanto tempo, você já pode começar a criar um.

E aqui é fundamental você alinhar expectativas com realidade. Quer estudar 8 horas por dia? Tudo bem. Mas nesse tempo, você conseguirá fazer todas aquelas outras atividades que a vida exige?

O importante aqui é ser o mais realista possível!

O seu planejamento de estudo deve levar todos esses pormenores em conta. Além, óbvio, de regular o seu tempo e sua dedicação para o aprendizado das matérias indicadas no edital. 

Ela deve incluir também as pausas, momentos que você realmente desliga dos estudos para poder deixar a mente descansar e absorver o que aprendeu. 

Outro ponto importante é você ter metas com esse cronograma. Um plano de estudo para concurso perfeito é aquele que seja realista, que te entenda e saiba que o objetivo é alcançável. E, mais uma vez, dentro de sua realidade, entendendo toda a sua rotina. 

3. Crie ciclos de estudos

Os ciclos de estudo dividem seu aprendizado em blocos, para que você progrida de maneira cíclica.

Os blocos são compostos de tópicos das disciplinas que você deve estudar para a prova. Busque distribuir a carga horária de estudo entre as disciplinas de acordo com o peso de cada uma na prova, além de intercalar os períodos de estudo entre matérias diferentes.

Esse último fator ajuda a trabalhar outras áreas do cérebro e ainda pode relacionar um conhecimento a outro, facilitando ainda mais o aprendizado.  

Um ciclo pode durar o tempo que achar melhor, 20 horas ou algumas semanas. Você deve avançar as disciplinas e retornar a elas a cada novo ciclo de estudo, agora passando aos novos tópicos a serem estudados.

Aperfeiçoe sempre com a sua realidade, mas, ao final de cada um, analise se será preciso ampliá-lo ou que você já pode partir para um novo. 

O ciclo é um dos métodos mais indicados para estudar porque ele é um estímulo a terminar cada bloco e até mesmo o ciclo em si, o que acaba por ser produtivo. 

Ah, não se esqueça de incluir as pausas entre um bloco e outro. 

4. Revise

A revisão é um método fundamental em qualquer estudo. Ela ajuda a fixar o assunto ou mesmo para não deixar nenhum tópico sem ser estudado. 

O interessante da revisão das matérias é ser feita por um material produzido por você, como anotações ou fichamentos. Dessa maneira é mais objetivo do que rever todo o conteúdo novamente. 

Englobe a revisão nos finais de seu ciclo ou após fechar determinado assunto. E reserve um tempo considerável para cada uma. Ela não é menos importante do que o estudo inicial de cada disciplina. Não a subestime e dedique um tempo valioso para realizá-la.

Mas além das matérias em si, revise o seu próprio ciclo ou o cronograma, para que nenhuma disciplina seja esquecida e nem que uma mais importante fique com menos tempo de dedicação que precisaria. 

5. Converse com outros candidatos

O contato com outras pessoas é fundamental para criar o plano de estudo para concursos ideal para você. É uma ajuda que te leva a entender mais rápido esse universo e até mesmo compreender como que cada um lida com seus aprendizado e rotina. 

Essa troca ajuda a você prever dificuldades e entender como pode evitar os seus. Além de encontrar o próprio método de estudo, aquele que realmente funciona para você. 

Sem falar que uma palavra amiga sempre cai bem nessas horas, não é mesmo?

Se você não conhece alguma pessoa que está na mesma jornada, procure grupos nas redes sociais, com certeza você encontrará alguém aberto a contribuir. Só não faça disso uma desculpa para a dispersão, ok? 😉 

Pergunte como é a rotina de cada um, fale da sua, peça indicação de material. Pode parecer que existe uma rixa com os candidatos para uma mesma vaga em concurso, mas não é bem assim. 

Há muita cooperação nesse meio, até por todos saberem que a jornada de estudo é muito rígida e, às vezes, limita a vida social. Então essa conversa é um alento a uma vida de dedicação aos estudos. 

Dicas bônus!

Mesmo depois de ler esses 5 passos, você pode desenvolver ou encontrar outros. E isso é ótimo, na verdade. Sinal que você está realmente se empenhando em ter uma rotina eficiente. 

E para ajudar mais um pouco, temos algumas sugestões de ferramentas que podem te ajudar a organizar sua vida, seu tempo, seus estudos

Planilhas

As planilhas são uma ótima ferramenta para organizar horários, calcular tempo, criar cronograma e claro, as tabelas que o ajuda a ter uma percepção melhor do seu calendário. 

Você pode usar Excel ou mesmo o Planilhas Google, disponível na internet.

Google agenda

A gigante da internet é uma grande colaboradora em nossas vidas. Para tudo, ela possui alguma tecnologia que nos ajuda a ter uma rotina mais produtiva e organizada. 

E ela ajuda também a saber como elaborar um plano de estudo com o Google Agenda. Uma plataforma muito prática, que cabe literalmente no seu bolso – e estamos falando de tamanho, não só de preço, afinal ela é de graça – e ao alcance da mão. 

Ela alinha suas tarefas de aprendizado e as atividades não relacionadas ao estudo, como fazer compra ou até mesmo aquele show que você tanto espera – afinal, não é só de aprender que vivem as candidatas e candidatos a um concurso público, concorda? 🙂

Trello

O Trello é uma plataforma em que você consegue criar quadros que auxiliam em uma rotina mais eficiente – até mesmo no trabalho. 

Você pode utilizá-lo para organizar suas atividades e acompanhar sua evolução. Criar calendários de estudo e até mesmo de outras tarefas que precisa fazer no dia, usando lembretes que te notificam sobre prazos, por exemplo. 

Planner do Clipping

Aqui no Clipping também temos uma ferramenta que ajuda muito todos os candidatos a realizarem seu plano de estudo para concurso. 

O Planner personalizado do Clipping é disponibilizado gratuitamente e te ajuda a entender melhor o seu dia, semana e a rotina de seus estudos de forma bastante visual e prática.

Para baixá-lo, basta preencher seus dados no link! 🙂

Tenha sempre foco!

A dica mais valiosa que você encontrará será sempre sobre o foco. 

E por mais importante que ele seja, não é fácil de praticar. Ainda mais se você está nessa jornada estudando em casa, por exemplo. 

Ter foco significa uma ter também um autodisciplina gigante. Por mais que você elabore planos de estudo ou técnicas de aprendizado, sem foco e determinação, elas não valerão de nada!

E é por isso mesmo que você precisa de dedicação. Se livrar de distrações, ter locais próprios para estudar, materiais organizados além, claro, do seu plano de estudo para concurso que você já consegue fazer depois de ler esse texto. 🙂

Por isso, temos uma indicação para você: confira um guia completo com 10 dicas de como focar nos estudos. Certeza que ele te servirá muito!

Aproveite e boa jornada de estudos!


  • Pedro Soares
    Pedro Soares

    Pedro é estudante de Administração e atua nos times de Marketing e Comercial do Clipping!


Pedro Soares
Pedro Soares

Pedro é estudante de Administração e atua nos times de Marketing e Comercial do Clipping!