Estudar ouvindo música é uma boa? Ajuda ou atrapalha?

  • Pedro Soares
    Pedro Soares
    02/10/2020 . min de leitura
Música ajuda ou atrapalha os estudos

A rotina de estudo é intensa: você acorda, toma um café, talvez um banho, senta-se à sua mesa, abre um livro e lá se vão horas e horas de pura dedicação. 

Por mais que você se isole no seu local de estudo, as distrações acontecem: conversas de familiares, um telefone que toca, a obra do vizinho ou mesmo aquele amigo ou amiga de apartamento que está aprendendo a tocar um novo instrumento.

Qualquer barulho é um gatilho para a desconcentração. 

Para fugir dessas armadilhas, muitos resolvem estudar ouvindo música e acreditam que isso ajuda na concentração.

Tem quem goste. Tem quem deteste. Tem quem não faça ideia se essa ideia é realmente boa. Se você tem essa curiosidade também e quer saber se escutar música pode te ajudar a ser mais produtivo, acompanhe que a gente ajudará a achar essas respostas.

Nesse post, você encontra as seguintes seções:

Ouvir música para estudar ajuda ou atrapalha?

Quais os benefícios de estudar ouvindo música?

Quais os tipos de música para ouvir enquanto estuda?

Tudo depende do foco!

Ouvir música para estudar ajuda ou atrapalha?

Depende. 

É absolutamente impossível precisar uma resposta de maneira geral com tantos perfis diferentes de pessoas que precisam estudar para passar em uma prova. 

Existem aquelas pessoas que simplesmente não conseguem se concentrar com qualquer que seja o barulho que chega aos seus ouvidos. Para esse tipo de gente, não tem conversa: música para ouvir enquanto estuda, nem pensar!

Para essas pessoas então não tem segredo: é preciso se isolar em um lugar silencioso. Existem até algumas maneiras de se evitar o barulho, se o seu local de estudo não possibilita isso. 

É preciso de um certo investimento, mas alguns fones de ouvido conseguem fazer um isolamento completo, te colocando em silêncio absoluto. 

Mas, se esse não é o seu caso, a pergunta que fica é: estudar ouvindo música é ou não produtivo. 

Essas resposta só é possível ser dada individualmente. Afinal, há aquelas pessoas que não se importam com a música e tem sua produtividade realmente melhorada. 

Porém, outras, ainda se sentem inseguras e não sabem se, ao usarem um fone de ouvido com suas canções favoritas, haverá concentração ou não. 

E ainda assim, não é possível cravar se a música atrapalha ou ajuda. Para tentar resolver esse enigma, é preciso se passar pelas vantagens em se ouvir música enquanto estuda.  

Quais os benefícios de estudar ouvindo música?

Eles existem. Por mais que algumas pessoas simplesmente não conseguem tolerar escutar qualquer barulho na hora do estudo. 

Por isso, é sempre importante lembrar que essas vantagens podem variar sempre de acordo com cada pessoa.

Reduz estresse

Estudar, infelizmente, não é um parque de diversões. Existe muita pressão por resultado e desempenho. 

A música é comprovadamente um estimulante de bem-estar. E não poderia ser diferente quando você estuda. 

Por isso, pessoas que estão desgastadas podem usar suas músicas favoritas para desestressar. E funciona! 

Ajuda na concentração

Se você mora com mais gente na sua casa, sabe que é impossível deter os barulhos que elas podem fazer ao longo do dia. 

Esse tipo de barulho, mais desenfreado e sem ritmo, atrapalham mais a concentração. A música, por sua vez, possui harmonia de forma, te protege dos sons do dia a dia, facilitando a concentração. 

Melhora a memória

Dependendo da música que você escuta, como as músicas orquestradas, é possível fazer com que um lado do seu cérebro seja ativado e ajude a guardar melhor as informações que você estuda. 

Quem precisa estudar raciocínios lógicos e matemáticos, por exemplo, tem muita dificuldade de combinar os dois lados do cérebro. Com a música, eles consegue “dialogar” melhor. 

Sem falar ainda, que algumas paródias são ótimas para se fazer gravar melhor alguma informação. 

Tente apenas usá-las como parte integrante de seus estudos para que você memorize de fato uma informação. Evite decorar elas, porque, decoreba, não é um bom caminho para seus estudos!

Música deixa mais criativo!

Estudar ouvindo música é uma ótima maneira de estimular a criatividade. Quem nunca passou por um bloqueio na hora de resolver atividades?

Basta colocar músicas mais animadas para fazer com que a criatividade flua melhor. Será ideal para aqueles momentos em que você está preso em uma atividade ou disciplina.

Quais os tipos de música para ouvir enquanto estuda?

Mas, como você pôde ter percebido, algumas músicas conseguem ajudar mais na concentração do que outras. 

Você pode escutar as músicas que te deixam mais confortável, desde que, claro, elas não atrapalhem o seu foco. 

Porém, algumas fazem com que sua concentração seja mais elevada, ainda que as músicas não sejam as suas favoritas. Veja quais são.

Músicas clássicas e sem voz

As músicas mais comuns na hora de se escolher uma para estudar são as orquestradas, as chamadas clássicas. 

Elas são, de fato, as mais escutadas quando se diz respeito a estudar ouvindo músicas. Seja pela calma que elas transmitem ou mesmo pelo fato de não haver letra. 

O fato de não haver um cantor nesse tipo de música, ajuda o cérebro a focar apenas no estudo, e não no que a pessoa canta. 

Experimente sons da natureza

Se você quer escutar música para evitar o caos de barulho ao seu redor, pode tentar uma alternativa bem simpática: o de sons da natureza. 

Chuva, cachoeira, pássaros cantando, mar… são barulhos que geralmente trazem mais calma e permitem uma concentração maior. 

Ouça aquilo que você já conhece

Agora, se você não se importa de maneira alguma com o que você escuta na hora de estudar e não tem restrições de ritmo, língua ou calma, pode tentar escutar o que bem entender, desde que observe com clareza se a música não está te atrapalhando.

Contudo, evite escutar músicas que você não conhece, principalmente se essas músicas possuem letra. Isso porque seu cérebro tende a se concentrar mais no que é novo e isso pode competir com o que você aprende.

Por isso, escute apenas músicas que não sejam novidade para você. Deixe para o descanso descobrir um som novo ou uma indicação de amigos.

Tudo depende do foco!

Não importa o que você gosta de ouvir, qual que seja o seu gosto musical ou preferências de banda. 

Na hora de estudar, a música precisa ser uma ferramenta de concentração! E não existe fórmula mágica para cravar aquilo que é melhor para cada pessoa. 

Aliás, a música é só mais uma ferramenta para ajudar a ter foco. Existem outros diversos meios de se concentrar na hora de estudar e você pode se ajustar a cada um deles.

O que vale, é encontrar a melhor forma para se preparar para a prova que você quer passar. Se estudar ouvindo música é uma boa para você, tudo bem! Siga em frente. Crie uma playlist só para isso. 

Aliás, você pode encontrar playlists prontas no Spotify, por exemplo, que são feitas por outras pessoas que também usam dessa técnica para estudar. 

Agora, se você é, definitivamente, uma pessoa que não gosta de estudar ouvindo música, tudo bem. 


  • Pedro Soares
    Pedro Soares

    Pedro é estudante de Administração e atua nos times de Marketing e Comercial do Clipping!


Pedro Soares
Pedro Soares

Pedro é estudante de Administração e atua nos times de Marketing e Comercial do Clipping!